prendas para o pai

Pais especiais presentes em histórias literárias, sejam estas ficção ou realidade. Descobre livros que podem ser excelentes prendas para o pai.

Histórias ficcionais, outras baseadas em factos reais. Se ele aprecia ler fica a saber que temos prendas para o pai onde personagens memoráveis literárias não vão faltar. Recheia a estante de livros do teu pai com obras com desconto até 50%.

Lê obras sobre pais aventureiros, destemidos, cómicos e sábios. Descobre a nossa seleção literária de prendas para o pai.

Prendas para o Pai: “A Muralha de Gelo” de George R. R. Martin

Estes são tempos negros para Robert Baratheon, o rei dos Sete Reinos. Do outro lado do mar, uma imensa horda de selvagens organizou-se para invadir o seu reino. À frente deles está Daenerys Targaryen, a última herdeira da dinastia que Robert massacrou para conquistar o trono. E os Targaryen são famosos pelo seu rancor e crueldade. Mais perto, para lá da muralha de gelo que se estende a norte, uma força misteriosa manifesta-se de maneira sobrenatural. E quem vive à sombra da muralha não tem dúvidas: os Outros vêm aí e o que trazem é bem pior do que a própria morte... Ainda mais perto, na Corte, as conspirações continuam.

O ódio entre as várias Casas aumenta e desta vez o sangue vai jorrar. E quando parece que nada pode piorar, o rei é ferido mortalmente numa caçada. Terá sido um acidente ou um assassinato? Seja como for, uma coisa é certa: a guerra civil vem aí!

George R. R. Martin prova porque é o maior escritor de fantasia da atualidade. Com uma imaginação poderosa, escrita inteligente e personagens cativantes, volta a deixar o leitor rendido e a ansiar por mais.

Descobre o livro aqui.

 

Prendas para o Pai: “Almoço de Domingo” de José Luís Peixoto

Um romance, uma biografia, uma leitura de Portugal e das várias gerações portuguesas entre 1931 e 2021. Tudo olhado a partir de uma geografia e de uma família. Com este novo romance de José Luís Peixoto acompanhamos, entre 1931 e 2021, a biografia de um homem famoso que o leitor há de identificar — em paralelo com história do país durante esses anos.

No Alentejo da raia, o contrabando é a resistência perante a pobreza, tal como é a metáfora das múltiplas e imprecisas fronteiras que rodeiam a existência e a literatura. Através dessa entrada, chega-se muito longe, sem nunca esquecer as origens.

Num percurso de várias gerações, tocado pela Guerra Civil de Espanha, pelo 25 de abril, por figuras como Marcelo Caetano ou Mário Soares e Felipe González, este é também um romance sobre a idade, sobre a vida contra a morte, sobre o amor profundo e ancestral de uma família reunida, em torno do patriarca, no seu almoço de domingo.

Descobre o livro aqui.

 

8 novidades literárias para ofereceres a ti mesmo

 

“A Vingança” de John Grisham

Pete Banning era um cidadão modelo de Clanton, cidade do Mississippi - herói condecorado da Segunda Guerra Mundial, patriarca de uma destacada família, proprietário de terras, pai, vizinho e membro fiel da Igreja Metodista. Numa fria manhã de outubro, levantou-se cedo, foi para a cidade e a sangue-frio disparou a matar sobre o seu pastor e amigo, o reverendo Dexter Bell. A única declaração que Pete fez sobre o sucedido - ao xerife, aos advogados, ao juiz, ao júri e à sua família - foi: «Não tenho nada a dizer.» Não tinha medo da morte e estava disposto a levar para o túmulo as suas motivações.

Neste romance intenso, John Grisham transporta-nos numa viagem incrível e plena de suspense à descoberta da verdade, desde o sul dos Estados Unidos até às selvas das Filipinas e à Guerra do Pacífico. De um hospício claustrofóbico e cheio de segredos somos arrastados até um tribunal onde um advogado tenta desesperadamente ilibar um homem que procura tudo menos a sua salvação.

Descobre o livro aqui.

 

“The Shining” de Stephen King

Jack Torrance consegue um emprego num velho hotel e acha que este será a solução dos seus problemas e dos da sua família - as dificuldades vão ficar para trás, a sua mulher vai deixar de sofrer e o seu filho, Danny, vai poder voltar a respirar ar puro e ultrapassar as estranhas convulsões que o afligem.

Mas as coisas não são tão perfeitas como parecem - forças malignas pairam nos antigos corredores. O hotel é uma chaga aberta de ressentimento e desejo de vingança, e, inevitavelmente, um confronto entre o bem e o mal vai ter de ser travado.

Descobre o livro aqui.

 

5 livros a não perder!

 

“Por Aqui e por Ali” de Bill Bryson

Há muitos livros sobre exploradores destemidos que escalam montanhas, atravessam oceanos, enfrentam intempéries e sofrem experiências traumáticas. Mas neste livro existe outro tipo de herói: pessoas comuns que se esfalfam para subir um monte, que ficam histéricas com os animais selvagens... Isto para não falar do horror que têm aos insetos!

Bill Bryson decide com o seu amigo Stephen Kaz fazer três mil quilómetros pela floresta durante vários meses, percorrendo a pé o mais longo trilho do mundo. Um esforço enorme para o autor que tem o hábito de estar sentado e um suplício para o amigo, ex-alcoólico, gordo e que adora fast-food. Com o seu estilo irreverente e inconfundível, Bryson conta casos inacreditáveis de destruição ecológica e descreve os estragos causados pelo turismo, o qual critica impiedosamente - incluindo-se a si e ao companheiro neste rol de destruidores. Um livro para quem ama a natureza selvagem, mas que ao mesmo tempo adora os prazeres da civilização.

Descobre o livro aqui.

 

Encontra toda a gama de prendas para o pai em noteonline.pt ou numa das 80 lojas note! com desconto até 50%.